Wikia Boku no Hero Academia
Advertisement
Wikia Boku no Hero Academia
334
páginas

Vigilantes (自警団 (ヴィジランテ) Vijirante?) são pessoas que realizam voluntariamente funções que são geralmente feitas por Pro Heroes sem ligar para a lei.


Graças à regulamentação de heróis e às leis de restrição de individualidade, as pessoas não têm permissão para realizar tarefas heróicas por conta própria e o vigilantismo é, portanto, ilegal.


História

As origens dos heróis podem ser rastreadas até os vigilantes. Quando as Individualidades começaram a se manifestar, não havia nenhuma organização que controlasse os Pro Heroes e eles eram, portanto, vigilantes.

O sistema de Pro Hero foi implementado pela primeira vez em Rhode Island, EUA, sob o "Estatuto do Novo Estado de Rhode Island"; 189 Vigilantes foram afetados por este estatuto, com apenas 7 sendo aceitos como Heróis oficiais. Hoje em dia a maioria dos vigilantes desapareceu.[1][2]

Porém, Knuckleduster, Pop Step, e The Crawler tem estado ativos regularmente em suas atividades para ajudar as pessoas e fazer justiça como vigilantes. Aizawa afirmou que os Pro Heroes nunca tomaram medidas contra eles e deixaram os três enquanto não abusassem de suas individualidades e causassem tumulto.

Tenya, Izuku, e Shoto tecnicamente agiram como Vigilantes durante a sua luta contra o Assassino de Heróis Stain

Referências

  1. My Hero Academia: Vigilantes: Capítulo 0
  2. My Hero Academia: Vigilantes: Capítulo 12
Advertisement